Ecos da canção Malena

Malena (1941) de Lucio Demare (1906–1974) e Homero Manzi (1907–1951) pertence à chamada Era Dourada do tango argentino.

Uma das características musicais que a distingue da fase anterior do tango, conhecida como Guardia Nueva, é o uso de frases assimétricas; por exemplo, em sua sessão B, que tem vinte e um compassos divididos assimetricamente em 6 + 3 + 5. Todavia, o que mais me instigou nessa canção são as relações — de fato e supostas — com dois filmes.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O filme que remete à canção é Malena es un nombre de tango (1996) do argentino Gerardo Herrero. O polêmico Malèna (2000) do italiano Giuseppe Tornatore (1956) não remete à canção, no mínimo, não abertamente; mas, curiosa e indubitavelmente, compartilha com a canção o tempo em que acontecem: a canção foi composta em 1941 e a história do filme se passa entre 1940 e 1943, ou seja, ambas ao longo da Segunda Guerra Mundial. Outra semelhança é a tristeza que carregam as três mulheres. Acaso? Coincidência? Eu não tenho certeza para responder.

Mais duas curiosidades sobre a canção:

Malena canta el tango como ninguna
y en cada verso pone su corazón.
A yuyo del suburbio su voz perfuma,
Malena tiene pena de bandoneón.
Tal vez allá en la infancia su voz de alondra
tomó ese tono oscuro de callejón,
o acaso aquel romance que sólo nombra
cuando se pone triste con el alcohol.
Malena canta el tango con voz de sombra,
Malena tiene pena de bandoneón.

Tu canción
tiene el frío del último encuentro.
Tu canción
se hace amarga en la sal del recuerdo.
Yo no sé
si tu voz es la flor de una pena,
só1o sé que al rumor de tus tangos, Malena,
te siento más buena,
más buena que yo.

Tus ojos son oscuros como el olvido,
tus labios apretados como el rencor,
tus manos dos palomas que sienten frío,
tus venas tienen sangre de bandoneón.
Tus tangos son criaturas abandonadas
que cruzan sobre el barro del callejón,
cuando todas las puertas están cerradas
y ladran los fantasmas de la canción.
Malena canta el tango con voz quebrada,
Malena tiene pena de bandoneón.


Contrate a Presto para fazer a sua partitura, transcrição, música ou livro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s